[sábado, julho 09, 2005]

Previsivelmente estaremos todos envolvidos na Guerra de Bush contra o Terrorismo"–então, se assim é, adoptando os procedimentos militares, devemos-nos sempre questionar sobre as cinco 5 perguntas fulcrais antes de se iniciar qualquer acção: o Quê?, Porquê? (quem Lucra), contra Quem? Quando?, Onde?
Segundo um documentário transmitido pela insuspeita BBC inglesa, há informações bastante fiáveis de que existem vínculos entre a CIA e a pouco definida e nebulosa AlQaeda. Alguns não têm até dúvidas em afirmar que a “rede terrorista AlQaeda de Bin Laden” pura e simplesmente não existe.
Tais posições levam em conta a amálgama de interesses e promiscuidades existentes entre políticos como Aznar, Barroso Bush, Sheiks Árabes, Companhias Petrolíferas, Familia Bin Laden, Blair, FMI, Banco Mundial, Familias da Oligarquia Petrolifera, Militares, Complexo Industrial,etc... e poderiam ser questionadas à luz das informações limitadas de que se dispõe. As dúvida porém vão sendo menores à medida que o clima anti-capitalista cresce até já entre altas Individualidades como o próprio ex-Ministro da Defesa da Alemanha Andreas von Buelow que afirmou em entrevista ao jornalista Alex Jones, “que a CIA esteve implicada nos atentados do 11 de Setembro em New York”.
De facto, na sua “guerra contra o terrorismo” Bush e os seus acólitos, não conseguiram encontrar agentes da “alQaeda” na Europa. O único implicado até hoje nos atentados de 11/9, o árabe Munir El Motassadek, acabaria por ser ilibado pelo Tribunal de Hamburgo em 2002. Michael Scheuer, ex responsável pela unidade da CIA dedicada à Al Qaeda disse, em entrevista publicada pela Visão de 30 de junho/05, que a CIA deu ao governo americano aquando da ofensiva Iraquiana e se sabia que Bin Laden estava na zona fronteiriça com o Paquistão, entre 8 a 10 oportunidades para o capturar, mas os responsáveis governamentais Americanos decidiram sempre não actuar.Porquê???. Bin Laden é um pretexto para outros fins!,,,
As redes norte-americanas de desestabilização e de ingerência, apesar destas evidências, continuam contudo a desinformação, e ainda ontem por entre as lenga-lengas lamuriosas das televisões era possível ouvir que “há 7000 terroristas na Europa,,, que é muito fácil recrutar operacionais em Mesquitas (fica a pergunta: então se é fácil porque é que não os prendem?),,,o New York Times dizia que “a bomba poderia ter outro destino” (pois, se elas iam em meios de transportes seria óbvio,não?) e porque a opinião pública britânica se habituou à eficiência da sua Policia, esta prometeu resultados sobre os autores em não mais de 48 a 72 horas, mas,,,mais rápido do que qualquer policia cientifica,,, do que qualquer investigação de peritos em explosivos,,, mais rápido do que a velocidade do bom senso - o ministro Jack Straw lá afirmou: "os atentados têm a marca da Al-Qaeda"!!! (como em Madrid, para Aznar, tinham tido a marca da ETA). Como teria “adivinhado” Straw?
José Sócrates foi mais subtil: “Estaremos inteiramente à disposição dos nossos aliados, para os ajudar sempre e quando nos solicitarem”. A violência é irracional, é obscena, imoral e estúpida, e matar é injustificável, mas no entanto os discursos vazios acerca de “democracia”,”nações civilizadas”, “valores”, etc, cumprem a estratégia dos falcões cristãos-fascistas e dos sionistas loucos Norte-Americanos. Apela-se à “unidade incondicional em torno destes governantes” para que ninguém ache anormal ver partir mais Soldados para guerras que não deveriam ser nossas.
ps –Alem de tudo o mais, há aquí uma confusão semântica: Se os EUA e seus aliados matam crianças, masaacram mulheres, roubam petróleo, assassinam homens, mentem para justificar o injustificável, torturam prisioneiros... a isso se chama GUERRA...
Se as vítimas dessa mesma Guerra se defendem...a isso eles chamam TERRORISMO...


(In - http://www.xatoo.blogspot.com/)


por Zecatelhado * 16:33


*******************************

Comments:
Amigo aqui está apenas uma parte da verdade porque a outra, aquela que os americanos não assumem, neste caso a própria CIA é que eles criaram efectivamente o monstro Bin Laden e a organização que ele lidera. Mas deixaram de ter controlo sobre o mesmo. De resto e sobre isso escrevi um post se fosse assim tão fácil desmantelar uma organização terrorista os israelitas já tinham acabado com a raça aos como eles classificam de terroristas
palestinianos e como todos nós sabemos as motivações deles fazem com que enquanto existir um palestiniano que seja, ele pode ser
um potencial bombista porque quer o seu território de volta.
Aquele abraço do Raul
 
não posso estar mais de acordo, parabêns pela coragem de escrever este post nesta altura.
cumprimentos
 
Enviar um comentário (2) comments